RAMO ESTUDANTIL IEEE DO IFPB CAMPUS CAMPINA GRANDE

O Ramo Estudantil IEEE do IFPB campus Campina Grande, foi fundado em 30 de abril de 2013, sob a direção dos alunos Ítalo de Pontes, Bárbara Meira, Nathália Batista e Lucas Araújo que foram impulsionados pela Conselheira Daniella Dias Cavalcante Silva e o Mentor Marcelo Portela Sousa, ambos professores doutores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba do Campus Campina Grande.

Logotipo do Ramo Estudantil IEEE IFPB Campus Campina Grande

Esses alunos tinham o propósito de reunir estudantes, inicialmente do Curso Superior de Tecnologia em Telemática, a promoverem projetos e eventos na área de tecnologia, possibilitando o crescimento técnico e profissional dos mesmos.

No ano de sua criação, o respectivo Ramo recebeu o prêmio de Ramo Revelação Brasil (2013), ganhou o I Desafio de Robótica IFPB Campus João Pessoa em 2º Lugar e ficou reconhecido internacionalmente perante a comunidade IEEE conquistando o 3º lugar no prêmio de Melhor Website da R9 – América Latina (2012-2013).

No ano posterior, conseguiram mais uma vez o 3º lugar no prêmio de Melhor Website da R9 – América Latina (2013-2014) de forma honrosa e merecida, e alcançou o prêmio em Sexto lugar na categoria ROBOCUP SIMULATION 2D na Latin-American Robotics Competition (LARC 2014).

No ano de 2017 o Ramo teve a honra de receber o Terceiro Lugar em Casos de Sucesso do Conselho Brasil na categoria “Cooperação Inter-Ramos” junto com o Ramo Estudantil IEEE da UFCG na RNR & RNYP 2017 e foi o vencedor do concurso Contest Selfie da R9 – América Latina.

Foto vencedora do Concurso Contest Selfie da R9 – América Latina

O Ramo Estudantil IEEE do IFPB-CG vem crescendo bastante nos últimos anos, tanto em número de membros – valor que dobrou no último ano – quanto em destaque, mostrando seu valor para sua instituição e contribuindo socialmente com a comunidade de sua cidade. Atualmente, o Ramo supracitado possui 33 membros oficiais e em média de 20 voluntários que contribuem com as atividades que são realizadas.

Ramo Estudantil IEEE do IFPB-CG promoveu ao longo dos anos, algumas ideias de sucesso como o “Café com Empresas” que tinha como propósito aproximar empresas e a instituição a fim de prover um melhor aproveitamento de conhecimento e recursos, iniciativa esta que rendeu uma parceria com a Associação Nacional para a Inclusão Digital, por exemplo. O projeto IEEEx que tem como objetivo promover a participação e o engajamento da comunidade acadêmica com o que é desenvolvido no campus Campina Grande do IFPB, possibilitando a discussão em torno de como os projetos realizados podem contribuir com a sociedade ou mesmo com outros projetos. O projeto Spit It Out, que visa o desenvolvimento das habilidades em inglês à partir de discussões sobre temas diversos, atividades dinâmicas que estimulam a conversação e prática do vocabulário entre os integrantes do Ramo IFPB-CG. O projeto Tech Teddy, que consiste em contribuir com o desenvolvimento educacional de crianças e jovens em tratamento contra o câncer, por meio de oficinas educativas e profissionalizantes que despertem a curiosidade e interesse dos mesmos sobre assuntos relacionados a tecnologia, como por exemplo: eletrônica básica, programação básica e manutenção de computadores.

Além de várias palestras, minicursos e demais projetos internos, o Ramo Estudantil IEEE IFPB-CG também promoveu ações sociais como a Semana do Agasalho e Semana Solidária em prol do IPCCAN. Em parceria com o IFPB foi promovido o I Networking Day, contando com uma programação voltada à palestras, minicursos e networking, com recorde de público o evento contou com aproximadamente 500 pessoas. O Ramo também desenvolve atividades de TISP Team com alunos de ensino médio e superior.

Além disso, o referido Ramo possui atualmente um Grupo de Afinidade Estudantil WIE (Women in Engineering) e um Capítulo Estudantil da ComSoc (Communications Society).

RAMO IEEE IFPB CAMPUS CAMPINA GRANDE


RAMO ESTUDANTIL IEEE DA UFCG CAMPUS CAMPINA GRANDE

Em 2013, um pequeno grupo de estudantes se reuniu para avaliar a possibilidade de retomar as atividades do Ramo Estudantil IEEE UFCG, que havia sido desativado alguns anos atrás por falta de membros voluntários e descontinuidade das atividades. Alguns tópicos discutidos foram os possíveis motivos pelos quais a gestão anterior não conseguiu se manter em atividade, que professores estariam acessíveis para ser conselheiro do Ramo e que tipos de atividades poderiam ser realizadas para beneficiar os estudantes, a comunidade e o IEEE. Conversando com pessoas que haviam participado da última gestão do Ramo, foi possível perceber que a maior dificuldade do grupo foi realizar um recrutamento de voluntários efetivo. Segundo eles, essa questão, juntamente com o surgimento de desmotivação dos membros ativos, foram as principais causas para a desativação do Ramo. Com isso, pensou-se em medidas que deveriam ser tomadas para garantir a continuidade do grupo e a motivação dos voluntários. Além disso, o grupo convidou como conselheiro um professor que já havia estado nessa posição antes e, portanto, conhece bem o IEEE e as oportunidades oferecidas aos seus membros.

Logotipo do Ramo Estudantil IEEE UFCG Campus Campina Grande

Em outubro de 2013, três dos primeiros membros voluntários do Ramo após a reativação, Milena Marinho Arruda, Nayara Aguiar e Thiago Ferreira de Paiva Leite, participaram da RNR 2013, realizada em João Pessoa. Durante o evento, os voluntários puderam aprender com membros de Ramos mais consolidados, ter ideias para implementar atividades, observar o espírito de compartilhamento de conhecimento emanado por membros IEEE, e iniciar o processo de unir tudo o que foi aprendido e levar até Campina Grande, onde tinham o objetivo de reativar o Ramo da UFCG.

Em novembro de 2013, após algumas reuniões para organizar bem o grupo e as atividades-base que iríamos desempenhar, o Ramo Estudantil IEEE UFCG deu início à realização de atividades voltadas para o público-alvo principal: estudantes universitários, principalmente os da área de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação. Neste início de atividades, os primeiros eventos promovidos foram algumas palestras, devido ao baixo custo na execução e na grande quantidade de pessoas, e o Speak Up!, uma atividade de conversação de inglês criada para ser um ambiente no qual todos podem se sentir à vontade para praticar e aprender com os demais colegas.

No término de 2014, contavam com 64 membros estudantis – um aumento de 128.57% em relação ao ano anterior. Com esses números, a Universidade Federal de Campina Grande passou a ser a instituição com a maior quantidade de membros estudantis da Seção Bahia. Isso só foi possível graças ao esforço constante dos nossos voluntários, ao empenho pela busca de informações que pudessem ajudar a crescer, à disciplina e responsabilidade em cada atividade realizada, ao comprometimento com as diretrizes do IEEE e principalmente à vontade de aprender e crescer com o Ramo.

No ano de 2015 o Ramo Estudantil IEEE UFCG conseguiu ser reconhecido através de prêmios de grande proporção nacional e internacional, tais como Ramo Exemplar do Conselho Brasil e Darrel Chong – Prata com o “Speak Up!”. Além do reconhecimento coletivo, o esforço individual também foi reconhecido quando Nayara Aguiar foi eleita Voluntária Exemplar do ano pelo Conselho Brasil.

Foto dos Prêmios de Ramo Exemplar de 2015 do Conselho Brasil do IEEE e 2º Lugar do Concurso Region 9 Photo Contest 2015

Além disso, o ano de 2015 foi marcado pela fundação do primeiro grupo de afinidades: o Women in Engineering (WIE) UFCG. Com atuação dentro da Universidade, onde promove palestras e debates sobre causas feministas, e fora dela, atuando principalmente com escolas públicas com oficinas de Arduino e atividades TISP, o WIE veio desde então ganhando forças e consolidando trabalhos de cunho social importantíssimos dentro e fora da UFCG.

O primeiro capítulo técnico criado dentro do Ramo Estudantil foi da sociedade da PES no final de 2016. Desde então, foram criados mais 3 capítulos: RAS, APS e PELS/IAS. Todos os Capítulos tem liberdade de atuação, mas são organizados pelo Ramo para que não hajam conflitos de interesse, mas, pelo contrário, todos possam ajudar mutuamente no crescimento dos núcleos.

O ano de 2016 também foi marcado por um grande evento realizado por este grupo em conjunto com o Ramo Estudantil IEEE IFPB-CG: a Reunião Seccional de Ramos. Um evento de grande sucesso, conseguiu impactar uma grande quantidade de voluntários da Seção Bahia e fomentar a abertura de novos Ramos Estudantis.

Desde então o Ramo Estudantil IEEE UFCG só vem alcançando grandes marcas e reconhecimento. Não esquecendo do seu passado, mantendo atividades como Speak Up! e TISP, mas sempre se reinventando e criando novas atividades, o Ramo chegou a um incrível número de 110 membros IEEE em 2017, se tornando, até então, o segundo maior Ramo do Brasil.

RAMO IEEE UFCG CAMPUS CAMPINA GRANDE